0
0
0
s2sdefault
04.11.2019

Segunda-feira sem grandes manchas nas praias de Salvador

 

Durante todo o dia de hoje (4), a Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) recolheu 3,2 toneladas de petróleo das praias da capital baiana. As equipes não encontraram grande quantidade de manchas e trabalharam na limpeza de pelotas e fragmentos na faixa de areia e nas pedras. 

 

Ao todo, a Prefeitura contabiliza a retirada de 125,8 toneladas desde o dia 10 de outubro, quando apareceram as primeiras manchas nas praias de Salvador. Somente da última sexta-feira (01), quando o óleo reapareceu em Salvador, até ontem (3), a Limpurb retirou 14,6 toneladas do resíduo. 

 

“Ontem e hoje, a quantidade do que chegou é menor do que na sexta e no sábado, então nossas equipes estão fazendo o pente-fino na faixa de areia e nas pedras. Continuamos no monitoramento das praias e trabalhando sem parar para manter todas as praias limpas”, garante Marcus Passos, presidente da Limpurb. 

 

Locais atingidos - Devido à quantidade de óleo que chegou neste fim de semana, a equipe foi reforçada e contou com 400 agentes. De sexta última até hoje, as praias atingidas foram as de Ipitanga, Praia do Flamengo, Stella Maris, Itapuã, Patamares, Jaguaribe, Pituaçu Corsário, Boca do Rio, Jardim de Alah, Jardim dos Namorados, Pituba, Amaralina, Ondina e Rio Vermelho. 

 

As mais atingidas foram Ipitanga, Stella Maris, Pituaçu, Corsário e Rio Vermelho (Buracão, próximo ao Sesi e Torrefação). Salvador não registrava a chegada de novas manchas desde o último dia 18, mas o óleo reapareceu no dia 1º, começando por Stella Maris.

 

          

0
0
0
s2sdefault