0
0
0
s2sdefault
15.04.2019

Garis alpinistas realizam a limpeza das encostas de Salvador

Móveis danificados, entulhos e muitas, muitas embalagens são arremessadas todos os dias encosta a baixo como se não houvesse amanhã.  Para realizar a limpeza nesses locais de difícil acesso, a LIMPURB conta com uma equipe especial de agentes que recebem treinamento de rapel para exercer a atividade com eficiência e segurança. 

Chega a ser assustador a quantidade de resíduos encontrados nas encostas.  Geralmente, as pessoas que descartam o lixo nesses locais, acabam optando pelo comodismo e ignoram as consequências que esse tipo de ação pode ter não apenas para a comunidade, mas também para o meio ambiente. 

“No ano passado, foram retiradas mais de 600 toneladas de lixo das encostas de Salvador. Esse ano, até o mês de abril foram 200 toneladas”, declarou o presidente da Empresa de Limpeza Urbana, Marcus Passos. 

A solução encontrada para realizar a limpeza das encostas foi recorrer ao rapel.  A corda, capacete, luvas e o mosquetão, são alguns dos equipamentos de proteção individual utilizado e garantem que o serviço seja realizado de forma segura.  

Em épocas de chuva o volume desses materiais que são descartados de forma irregular nas encostas, sobrecarrega uma área que já está frágil, resultando em deslizamentos. Sabendo desse risco, a LIMPURB se empenha em manter a regularidade na limpeza desses locais e sempre orienta os moradores a colaborar respeitando o horário da coleta. 

É importante que cada um tenha consciência de que as suas ações impactam diretamente o ambiente onde está inserido. Oriente o seu vizinho, alerte-o sobre os possíveis riscos que estão envolvidos quando o lixo não é descartado no local correto. Quando a rede da conscientização se espalha, os benefícios são compartilhados por todos. 

 

  

0
0
0
s2sdefault