A Empresa de Limpeza Urbana de Salvador (Limpurb) instalou mais duas lixeiras subterrâneas na capital baiana. Os novos equipamentos, com capacidade para acondicionar 2,5 toneladas de resíduos cada, foram instalados na entrada do Candeal, nesta sexta-feira (7). A capital baiana já conta com seis estruturas semelhantes que, além das duas implantadas hoje, podem ser encontradas ainda no Comércio (1), Barra (2) e Porto da Barra (1).

Mais 48 caixas subterrâneas serão instaladas na cidade ao longo da gestão. A implantação ocorrerá de forma gradativa cujo prazo, segundo a Limpurb, será divulgado mais adiante. Mesmo com a instalação dos coletores internos, a Limpurb mantém nos bairros caixas de coleta externas, para acomodação de material de construção civil e outros descartes que não são suportados pelas caixas subterrâneas. Além da implantação das estruturas subterrâneas, a Prefeitura realiza junto à população ações de conscientização e reeducação para o descarte correto dos resíduos e o uso correto do equipamento. A coleta desse tipo de equipamento ocorre diariamente para evitar sobrecarga. 

"Estamos implantando um sistema moderno de coleta de lixo residencial, que chega para substituir - no que se refere aos resíduos residenciais - os antigos coletores abertos, que possuíam um aspecto visual desagradável. Com o modelo que estamos implantando, além do valor estético, elimina-se o odor do lixo, bem como a proliferação de insetos e roedores", explica o presidente da Limpurb, Kaio Moraes. 

Para garantir o pleno funcionamento das estruturas é necessário que a população colabore com o trabalho da Prefeitura, de forma a ajudar na conservação dos contêineres, prevenindo ações de vandalismo e evitando o descarte de resíduos incompatíveis com as caixas.